X

Supere os incômodos do período menstrual e aproveite melhor o seu treino!!!

Quando você está irritada e com cólica não é fácil encontrar motivação para malhar. No entanto, o organismo feminino pode se beneficiar ainda mais das atividades físicas, especificamente no período que vai do início da menstruação até uma semana depois. “Nessa parte do ciclo, os hormônios estrógeno e progesterona estão nos níveis mais baixos, deixando seu metabolismo masculinizado”, afirma Stacy Sims, pesquisadora do impacto da menstruação no exercício e fisiologista da Universidade de Stanford, nos EUA. Segundo Stacy, essa mudança apesar de ser sutil já afeta o desempenho na atividade física.Durante a menstruação a recuperação do desgaste físico acontece mais rapidamente e a tolerância à dor é maior. É mais difícil encontrar disposição para sair de casa e fazer exercícios, mas além de um rendimento maior você pode ainda aliviar o desconforto causado pelas cólicas e dores na lombar, além de diminuir a retenção líquida e, é claro, queimar calorias.Já durante as 2 semanas que precedem a menstruação, os hormônios estão em alta e as emoções à flor da pele. Além dos altos e baixos causados pela alta do estrógeno e da progesterona, outra consequência é a diminuição da tolerância ao calor. E como o metabolismo passa a usar gordura ao invés de carboidrato, você pode se sentir mais preguiçosa, já que esses ácidos graxos dão menos pique. Isso não impede a malhação! No caso de não conseguir dar o seu máximo não aumente tanto a intensidade de exercícios, mas mantenha os habituais, faça um treino leve, uma aula mais suave ou descanse um pouco mais, sem desanimar.Uma boa dica é enxergar seu treino como uma planilha mensal: aumente a intensidade para suar a camisa no período em que estiver mais disposta e reduza um pouco quando não estiver.Fonte: Women’s Health – Julho 2012.www.espacoqualivida.com.br

RE:5145-SP

Conheça os nosso parceiros: